plano-de-carreira

Como montar um plano de carreira

Todos almejam uma carreira profissional estável, sucesso pessoal e familiar, e uma boa qualidade de vida, acima de tudo. Para isso, é preciso planejamento. Um bom profissional tem sempre os seus objetivos bem definidos, tanto em relação ao trabalho como na vida. OBJETIVOS definidos são a base do sucesso. É para traçar esses objetivos e colocá-los no papel que serve o Plano de Carreira.

O Plano de Carreira tem como principal meta colocar a pessoa no caminho certo para o sucesso profissional e pessoal, programando, assim, o crescimento nas duas áreas de maneira eficaz. Ele possibilita que você programe o tempo que necessita para alcançar os objetivos e avalie se os seus conhecimentos são suficientes ou não para realizar os projetos previstos.

O método é eficaz tanto para o profissional quanto para a empresa. Para o profissional, o plano ajuda a ter controle sobre sua própria vida evitando que perca tempo, conhecimentos, dinheiro, energias com o que não vai trazer os resultados esperados. Para a empresa, diminui riscos, rotatividade, funcionários desmotivados, aumenta a produtividade, qualidades dos serviços, ganhos financeiros, entre outras coisas.

Ah, ok! Mas como a empresa vai saber sobre o meu plano carreira?! É recomendável que a empresa tenha uma estrutura no setor de RH para isto. O plano de carreira deve ser informado pelo funcionário na instituição. Com isso, o setor responsável pode motivar o funcionário, acompanhá-lo e orientá-lo caso precise. Se o funcionário não recebe o devido apoio, ela pode perder o colaborador para o concorrente.

Quando elaborar um plano de carreira?

Já entendemos o que significa e para que serve o plano de carreira, agora vamos entender em quais circunstâncias ele pode/deve ser feito. Vale ressaltar que cada circunstância, o plano de carreira tem suas variáveis.

Existem alguns casos que é aconselhável a criação deste planejamento, são eles:

Quando você ainda não sabe que carreira profissional quer seguir. Ou até mesmo, quando sofreu uma decepção no trabalho e quer encontrar uma nova carreira profissional ou busca ter seu próprio negócio.

Quando você tem dificuldades de se recolocar no mercado. Ou seja, você trabalhou muito tempo na mesma área, e no mesmo lugar, porém, foi demitido por motivo de idade ou por ser uma profissão que está se extinguindo.

Quando você vai mudar de cargo ou departamento dentro da empresa em que você trabalha e tem encontrado dificuldades para alcançar os seus objetivos. Ou organizar-se para abrir e administrar o seu próprio negócio paralelo à sua atividade dentro da instituição. Ou até mesmo quando você está se preparando para mudar de emprego.

Quando se tem seu próprio negocio, mas ele não está progredindo como gostaria. Quem tem uma empresa bem sucedida e pretende buscar uma segunda opção no mercado. Ou até mesmo quando está deixando de trabalhar por conta própria e quer voltar ao mercado com carteira assinada.

Quando a pessoa se aposentou ou está prestes a se aposentar e não quer ficar parado, ou quando está fora do mercado de trabalho por motivos particulares.

Vale ressaltar que qualquer plano de carreira depende de disciplina, determinação e paciência. Alguns profissionais têm muito potencial, porém não conseguem atingir os seus objetivos por não terem um plano de carreira.

Como fazer um plano de carreira

Esta estratégia de planejamento funciona como uma bússola, ou um mapa, para saber se os seus objetivos estão perto ou longe de serem alcançados. Além de orientar quanto ao destino profissional. É bom lembrar que existem várias formas de fazer um plano de carreira.

Um planejamento de carreira eficaz deve seguir as seguintes etapas:

 

Identifique os seus interesses
Identifique os teus valores, objetivos pessoais, interesses profissionais e as tuas necessidades. Com certeza, isso irá te ajudar a melhorar a carreira que escolheu ou que irá escolher.

Estabeleça os objetivos
Pense em que tipo de emprego você procura. É importante ter claro quais são os seus objetivos de carreira

Ação
Esforços específicos que determinam as ações em direção aos objetivos traçados.

Tempo
Qual o prazo necessário ou desejado para o alcance da(s) meta(s)

Explore o campo de trabalho
Fique antenado com tudo que pode contribuir para o alcance dos seus objetivos. Pesquise sobre o campo de trabalho para o qual você pretende entrar e sobre as indústrias relacionadas.

Mantenha sempre um olhar crítico
É importante analisar a carreira que você escolheu sempre com um olhar crítico. Isso irá lhe proporcionar uma visão mais ampla para alcançar os seus objetivos, e que competências você necessita para alcançá-los. 

É hora de agir
Passe para o papel tudo que tem que ser feito para conseguir seguir na carreira que escolheu. Decida bem como vai agir para alcançar os teus objetivos como, por exemplo, se inscrever em algum curso.

Indicador
Fator de monitoramento que deve medir o resultado alcançado. É importante lembrar que as metas devem ser realistas e terem extrema chance de serem completadas.

Variável externa
Todo plano de carreira deve estar alinhado à lógica do mercado de trabalho. Levar em conta a dinâmica do universo empresarial é uma forma de assegurar a empregabilidade e competitividade profissional.

Multiculturalidade e relacionamento
A visão multicultural é um aspecto importante no plano de carreira. Hoje em dia, quase todas as empresas pensam de forma multicultural. Outro fator essencial na construção da vida profissional é o networking.

Dicas

Seja flexível: É preciso ter jogo de cintura para lidar com os diversos empecilhos que surgirão em seu caminho;

Seja persistente: e não desista no primeiro obstáculo;

Tenha um currículo bem feito: O seu currículo é o seu espelho antes de entrar na empresa, ele é a porta de entrada. Então, invista na sua apresentação. Saiba como fazer um currículo assertivo que aumente o seu valor em uma vaga de emprego.

Trabalhe seu marketing pessoal: Agora, a maioria das empresas também usam as redes sociais para avaliar o seu funcionário, saiba como trabalhar o seu marketing pessoal nessas redes sociais, e em eventos rotineiros.

Mantenha-se atualizado, sempre: frequente palestras gratuitas, leia jornais e revistas, faça cursos na sua área, etc;

Retome planos: Retomar alguns planos iniciais da carreira como, por exemplo, fazer um curso no exterior;

Bom networking: Procure ter facilidade para se relacionar com os outros. Além dos conflitos profissionais, você terá que administrar os familiares.

Se você não tiver tempo de fazer cursos presenciais, invista em cursos online, que você pode ganhar conhecimento de qualidade, sem precisar reservar um tempo especificamente para o curso. O Quartel Digital disponibiliza Cursos Online na área de marketing digital que pode lhe ajudar a ter um diferencial no mercado. O curso de Social Media, por exemplo, que vai acontecer no dia 10 de julho, pode te ajudar a compartilhar conteúdo relevante nas redes sociais, a trabalhar o seu marketing pessoal. Vale a pena investir em conhecimento.

9 respostas
  1. Camila Mergulhão
    Camila Mergulhão says:

    Caramba!
    Esse texto salvou minha tarde. Minha mente ultimamente, está parecendo um quebra-cabeça desmontando. Preciso colocar as peças no lugar e me focar.

    Obrigada, pessoal.

    Responder
  2. Deia Gior
    Deia Gior says:

    Parabéns! Excelente matéria. O texto está claro e com excelentes dicas, vocês me ajudaram a dar mais um passo em direção a uma nova carreira….

    Responder

Deixe uma resposta

Quer participar da discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>